História da Canela

História do Centeio
Erva de São João - Interacções Medicamentosas

A canela é uma das especiarias mais antigas conhecidas. É mencionada na Bíblia e foi usada no Egipto antigo não apenas como uma bebida aromática e um fármaco, mas também como um agente de embalsamamento.

Tinha tanto valor que era considerada mais preciosa do que o ouro. Nesta época, na China também se dava muita importância à canela, o que se reflecte ao ser referida num dos primeiros livros sobre medicina botânica chinesa, datado de cerca do ano 2700 aC.

A popularidade da canela manteve-se ao longo da história. Na Europa Medieval, tornou-se numa das especiarias em que era depositada mais confiança. Devido à sua procura, a canela tornou-se num dos primeiros produtos comercializados regularmente entre o Próximo Oriente e a Europa. A canela do Ceilão é produzida no Sri Lanka, na Índia, em Madagáscar, no Brasil e no Caribe, enquanto que a cássia é produzida principalmente na China, no Vietname e na Indonésia.

História do Centeio
Erva de São João - Interacções Medicamentosas

Poste um comentário

Leia o post anterior:
Figos – Benefícios para a Saúde

Um figo maduro e fresco é um deleite celestial que não precisa de embelezamento. A maioria das culturas de figo do...

Fechar