Equinácea- Dosagem e Administração
Confrei

Formas de apresentação:

A efedrina pode ser prescrita em forma líquida ou seca.

Pode ser tomada em comprimidos, cápsulas ou como chá para beber.

A Sociedade Americana de Farmacêuticos do Sistema de Saúde realizou um estudo que avaliou 20 diferentes produtos contendo efedrina.

Os resultados mostraram a quantidade de alcalóides da ephedra presentes nos suplementos, muitas vezes marcadamente diferentes da quantidade indicada nos rótulos.

Deve-se seguir sempre o conselho de um profissional de saúde, experiente em medicina botânica, quanto ao uso da efedrina.

 COMO TOMAR ?

A efedrina deve ser usada somente numa perspectiva de curto prazo porque o uso prolongado pode levar à dependência.

A quantidade de tempo considerado seguro, no entanto, não está definida.

O uso de efedrina deve ocorrer apenas sob a orientação e supervisão de um especialista.

A efedrina deve ser tomada entre as refeições e sem ingestão de alimentos.

 Crianças

O American Botanical Council adverte que qualquer pessoa com idade inferior a 18 anos, não deve usar a efedrina sem rigorosa supervisão médica.

 Adultos

Uma comissão alemã concluiu em 1991 que as doses de ephedra para adulto devem corresponder entre 15 a 30 miligramas de alcalóides de efedrina total.

Certas práticas clínicas actualmente, são muitas vezes mais conservadoras.

As doses abaixo descritas especificam o tipo de valores mais conservadores frequentemente recomendados por especialistas, bem como as recomendações que a comissão alemã indica, quando aplicáveis:

– Infusão ou Decocção – 1,2 a 2,3 gramas de erva ephedra seca e cortada, contendo 1,3% (13 miligramas/grama) de alcalóides, mergulhada num copo de água fervida, 3 vezes/dia, conforme o necessário para os sintomas respiratórios superiores;

– Extracto Fluído 1:1 (gramas/mililitro) – 1,2 a 2,3 mililitros (24 a 46 gotas), 3 vezes/dia, conforme o necessário para os sintomas respiratórios superiores;

– Tintura 1:5 (gramas/mililitro) – 5,75 a 11,5 mililitros (115 a 230 gotas), 3 vezes/dia, conforme o necessário para sintomas respiratórios superiores, porém e mais comummente, a dose recomendada é: 1:1,5 (gramas/mililitro) – 0,75 a 1,5 mililitros (15 a 30 gotas), 3 vezes/dia, conforme o necessário para os sintomas respiratórios superiores;

– Cápsulas – 12 a 25 miligramas de alcalóides de efedrina total, 3 vezes/dia, conforme o necessário para os sintomas respiratórios superiores e aconselhado clinicamente por especialistas em ervas.

Equinácea- Dosagem e Administração
Confrei