Noz - Benefícios para a Saúde
História da Cevada

Inquietação, maus padrões de sono ou insónia podem afectar muitas pessoas. Isto não é surpreendente quando se considera o ritmo acelerado da vida actual e do mundo em geral, que é repleto de tensão e de insegurança.

Infelizmente, as crianças não estão imunes e têm frequentemente padrões de sono interrompidos por um horário escolar frenético, por actividades extracurriculares, por demasiada televisão, por lidarem com pais que se estão a divorciar e assim por diante. As ervas como a valeriana, a camomila, e o lúpulo e determinados sais teciduais podem ajudar uma pessoa ansiosa a acalmar e a relaxar até conseguir dormir.

Como acontece com qualquer medicamento, à base de plantas ou não, deve consultar um médico homeopata qualificado e manter estritamente a dosagem prescrita. As mulheres grávidas e lactantes devem ter cuidado com a toma de remédios à base de plantas.

Valeriana para Relaxar e Acalmar

A valeriana, valeriana officinalis, é uma erva originária da Europa e tem sido venerada durante séculos. Reputada de ter sido utilizada por Hipócrates no século IV a.C., e cultivada em jardins de mosteiros durante décadas, foi sempre considerada uma erva que consegue curar qualquer doença. É reconhecida como um sedativo seguro e é benéfica para o tratamento da insónia, da hiperactividade, da ansiedade e da tensão. Acalma os nervos, melhora a digestão e ajuda a aliviar a dor muscular. A valeriana pode ser tomada em cápsula, chá, comprimido ou líquido.

Camomila

A camomila, matricaria recutita, é uma das ervas preferidas e tem sido utilizada como um calmante seguro para todas as faixas etárias ao longo dos séculos. Contém ácido salicílico, um tipo natural de aspirina, e tem vários componentes antiinflamatórios que têm um efeito calmante para o organismo.

Lúpulo

O lúpulo, humulus lupulus, é uma excelente ajuda na correcção de maus padrões de sono, devido à sua capacidade de neutralizar a irritabilidade, a insónia e a tensão. É uma erva tónica, amarga – as flores da planta fêmea (lúpulo) e os grãos do lúpulo são as partes da planta geralmente utilizadas.

Sais Teciduais para o Alívio da Insónia

Os sais teciduais são compostos por minerais que surgem naturalmente no nosso organismo e em toda a matéria orgânica do planeta, tais como plantas, rochas e solos. Os sais teciduais nº 2, 4, 6, 8 e 10 são especialmente úteis no tratamento do nervosismo e da insónia.

  • Sal tecidual nº 2 – o fosfato de cálcio é usado para o mau humor, a tensão e a sensação de temor.
  • Sal tecidual nº 4 – o fosfato de ferro é um antiinflamatório que pode ajudar na recuperação de uma noite repousante. Torna o corpo mais alcalino e pode aliviar a sensação de desespero e de incapacidade.
  • Sal tecidual nº 6 – o fosfato de potássio é bom para os nervos. Reduz sentimentos de stress, cansaço e tristeza.
  • Sal tecidual nº 8 – ofosfato de magnésio acaba com as cãibras e alivia a dor e a tensão.
  • Sal tecidual nº 10 – o fosfato de sódio é perfeito para o medo, a insónia, a confusão mental e a perda de memória. É uma opção excelente para as crianças que sofrem de pesadelos, preocupação e ansiedade.
Noz - Benefícios para a Saúde
História da Cevada