Comidas saudáveis fazem ganhar peso?

Diferenças de gênero na saúde emocional
As melhores ervas para a saúde da tireoide

Justo quando pensávamos ter ouvido falar de todas as modas de dieta (Não aos carboidratos! Fora o açúcar!), uma nova polêmica surge para nos surpreender.

Um estudo recém-lançado afirma que o pior alimento para perda de peso é qualquer um que contenha uma proteína vegetal chamada lectina. Mas aqui está a polêmica: a lectina é encontrada em alimentos que você sempre pensou que eram bons para a perda de peso. Pense: grãos integrais, feijões, legumes em tons avermelhados (berinjela, batata, tomate, pimentão, abóbora), nozes, sementes, produtos lácteos e qualquer proteína animal que não seja criada (ovos, carne, aves).

O estudo afirma que eliminar esses alimentos da dieta pode diminuir a inflamação, aumentar a perda de peso e levar a um estilo de vida global mais saudável. Mas isso é realmente legítimo?

Como funciona

Segundo o estudo, as lectinas são essencialmente um mecanismo de defesa da planta contra predadores. Como resultado, uma vez consumida pelos seres humanos, elas desencadeiam uma resposta inflamatória que pode levar a ganho de peso e outras condições de saúde graves, como síndrome do intestino irritável.

A pesquisa também aponta que, tradicionalmente, os grãos eram usados ​​para engordar animais antes do abate. Então, só faz sentido consumir alimentos ricos em lectinas se for para engordar humanos também. Há relato, inclusive, de perda de peso de até 32 kg em pessoas com dieta sem lectina. O princípio seria de que, ao retirar as lectinas da dieta, as pessoas começam a perder peso, mesmo comendo muitas calorias, porque não há mais o armazenamento delas.

Há ainda indicações de que uma dieta livre de lectina pode ter um efeito positivo em pessoas com doenças cardiovasculares e síndrome metabólica (um grupo de condições indicadas pelo aumento da pressão arterial, altos níveis de açúcar no sangue, excesso de gordura corporal em torno da cintura e níveis anormais de colesterol).

Retirar a lectina pode ajudá-lo a perder peso?

Porém, há vários médicos e pesquisadores que contestam essa teoria. Segundo eles, sempre que você elimina certos alimentos sem substituí-los por outros produtos, é altamente provável que sua ingestão global de calorias diminua. Mas isso não significa que cortar alimentos que contenham lectina conduzirá automaticamente à perda de peso. Para que a perda de peso seja bem-sucedida, você precisa seguir uma dieta bem equilibrada (isso significa incluir alguns alimentos que contenham lectina) e queimar mais calorias do que consome.

Além disso, a maioria dos alimentos com lectinas pode ser muito benéfica para a perda de peso. Há pesquisas, por exemplo, que associam grãos integrais com perda de peso. E um estudo, inclusive, que descobriu que as pessoas que consumiram leguminosas durante um período de seis semanas (feijão, lentilha e grão-de-bico, por exemplo) perderam significativamente mais peso do que aqueles que não consumiram.

Você deveria tentar?

Para uma pessoa sem restrições dietéticas ou problemas de estômago, a recomendação mais aceita é de uma dieta focada em porções razoáveis ​​de todos os grupos de alimentos. Uma boa medida seria, por exemplo, ao montar sua refeição, pensar em montá-la com um quarto de carboidratos, um quarto de proteína magra e preencher o resto do prato com qualquer tipo de vegetais que você goste.

Certos alimentos, por mais saudáveis ​​que sejam, afetam as pessoas de forma diferente. Claro, uma dieta sem lectina pode ajudá-lo a perder peso. Mas, a menos que você tenha dificuldades com problemas de digestão, provavelmente será melhor manter uma dieta que seja mais fácil de seguir em longo prazo. Afinal, é isso que leva à perda de peso durável.

 

Diferenças de gênero na saúde emocional
As melhores ervas para a saúde da tireoide

Poste um comentário

Leia o post anterior:
As melhores ervas para a saúde da tireoide

Se sua glândula tireoide não funciona corretamente, o hormônio produzido por ela não vai atingir os níveis adequados, e isso...

Fechar