Como consertar uma relação com uma pessoa controladora

Diferenças de gênero na saúde emocional
As melhores ervas para a saúde da tireoide

As relações controladoras podem ser destrutivas para os indivíduos de muitas maneiras diferentes. Esses padrões de comportamento podem levar ao isolamento social ou danificar a autoestima de uma pessoa. Em casos graves, controlar o comportamento pode, eventualmente, culminar em abuso emocional e/ou físico.

Um padrão de controle de comportamento pode ser sutil no começo, mas depois começar a ocorrer com mais frequência, piorando com o tempo. Se a situação ainda não se transformou em outros tipos de abuso, ainda pode ser possível melhorar a relação, mas somente se você estiver disposto a tomar medidas imediatas.

Passo 1

Examine a relação de perto para determinar se a outra pessoa é totalmente controladora ou apenas tenta controlar determinadas situações. Pode ser útil manter um diário por algumas semanas, detalhando todas as suas atividades juntos. Isso pode lhe dar uma ideia melhor sobre como é tomada a maioria das decisões e com que frequência o comportamento controlador ocorre.

Passo 2

Avalie seus sentimentos. Pergunte a si mesmo se você sente-se confortável na companhia de seus próprios amigos ou se você deve pedir a autorização de seu parceiro. É um sinal de problemas se o seu parceiro tenta impedi-lo de ver seus familiares e amigos ou tenta controlar aonde você vai.

Passo 3

Converse com seu parceiro sobre seus sentimentos. Pode ser que ele não tenha conhecimento de como você se sente. A sugestão é discutir o comportamento de uma forma calma. Diga ao seu parceiro que seu comportamento é desrespeitoso e que você não merece ser tratado dessa forma. Se você sentir medo de discutir o seu relacionamento, isso pode ser um sinal de que a parceria não é saudável.

Passo 4

Tenha mais controle sobre a relação, tomando algumas das decisões sobre o que os dois podem fazer juntos. Pense de forma independente para si mesmo e comece a fazer planos novamente com seus próprios amigos. Analise a reação do seu parceiro cada vez que você tomar uma posição. Se ele exagera todas as vezes, talvez seja a hora de pensar em terminar o relacionamento, para o seu bem.

Passo 5

Obtenha opiniões de outras pessoas. Seus amigos e membros da família podem ser capazes de oferecer alguns conselhos úteis. Se você e seu parceiro são incapazes de trabalhar os seus problemas sozinhos, considerem ir a um terapeuta. Um conselheiro profissional vai observar suas interações e, em seguida, recomendar maneiras para ajudar a quebrar o padrão de controle do comportamento.

Avisos

Exemplos de controle de comportamentos que são uma forma de abuso emocional ou financeiro incluem o seu parceiro impedi-lo de trabalhar ou criar situações que fazem com que você perca o trabalho, a retenção de dinheiro ou cartões de crédito, a permissão de apenas um acesso limitado a um veículo, a não permissão de que você saia em público sem ele ou a insistência de que você relate onde está e o que está fazendo quando você não está com ele.

Diferenças de gênero na saúde emocional
As melhores ervas para a saúde da tireoide

Poste um comentário

Leia o post anterior:
As melhores ervas para a saúde da tireoide

Se sua glândula tireoide não funciona corretamente, o hormônio produzido por ela não vai atingir os níveis adequados, e isso...

Fechar