Enzimas na pele de maçãs frescas

Os Brócolis têm muito cálcio
8 maneiras fáceis para impulsionar o seu bem-estar mental

Maçãs, como todos os organismos vivos, contêm muitas enzimas diferentes. No entanto, comer maçãs frescas – com ou sem suas peles – não lhe garante a absorção das enzimas que beneficiam sua saúde. Embora as maçãs contenham muitos componentes saudáveis, você não é capaz de utilizar as enzimas em maçãs frescas.

Enzimas

As enzimas são grandes proteínas que participam de reações bioquímicas, segundo a literatura especializada, ajudam a regular e aumentar a velocidade das reações químicas que ocorrem nos organismos vivos. Suas células dependem de muitos tipos diferentes de enzimas para manter a função. Por exemplo, é necessário secretar enzimas digestivas em seu trato gastrointestinal para ajudá-lo a quebrar a comida. Suas células também produzem muitas enzimas que trabalham em conjunto para ajudar na comunicação umas com as outras, geram energia e envolver-se em uma ampla variedade de funções.

Enzimas na maçã

Todas as células vivas contêm enzimas; células de maçã não são exceção. Quando você come uma maçã, você ingere as células que compõem a maçã e, portanto, ingere as enzimas. No entanto, não há nenhuma evidência científica que sugira que as enzimas em uma maçã fresca têm qualquer efeito sobre o seu corpo. Enzimas presentes na maçã participam de reações relacionadas com a maçã, segundo especialistas, as enzimas são muito específicas em relação à função. Isto significa que você não pode antecipar que uma enzima da maçã terá atividade em um ser humano.

Desnaturação

Outra consideração importante no que diz respeito às enzimas é a sua sensibilidade ao ácido e seu estômago é muito ácido, dessa forma poucas ou nenhuma daquelas encontradas nas maçãs, seriam capazes de resistir nesse ambiente. Quando você come uma maçã, o ácido no estômago reage com as enzimas dela e as desnatura para que elas não funcionem mais como antes. Você irá então digeri-las como qualquer outra proteína dietética.

Orientações

De um modo geral, os seres humanos não precisam de enzimas suplementares. Seu aparelho digestivo produz todas as enzimas necessárias para quebrar o seu alimento; deficiências de enzimas digestivas são raros, embora a intolerância à lactose seja uma exceção. As células não utilizam enzimas fora do trato digestivo, assim não há evidências que sugiram que podemos obter enzimas fora do trato digestivo, tornando as enzimas em seu alimento essencialmente inúteis, exceto como uma fonte de energia, como qualquer outra proteína dietética.

Os Brócolis têm muito cálcio
8 maneiras fáceis para impulsionar o seu bem-estar mental

Poste um comentário

Leia o post anterior:
Sinais de que seu homem está traindo você

Muito antes de qualquer evidência incondicional, uma mulher muitas vezes sabe, em seu íntimo e intuitivamente, que algo não está...

Fechar