Nove hábitos de sono para reduzir o estresse cotidiano

Os melhores alimentos para sua pele
Gorduras saturadas e insaturadas e efeitos no organismo

Uma das abordagens mais proativas para acalmar o estresse envolve algo que você definitivamente já está fazendo: dormir.

Uma boa noite de sono pode ajudá-lo a ficar alerta, adaptável e calmo, mesmo que seu trem esteja atrasado ou o projeto de diorama do seu filho seja para entregar uma semana mais cedo do que você pensava. Quando dizemos “boa noite de sono”, estamos nos referindo à quantidade e à qualidade. O número de horas que você deita na cama não é o único fator que contribui para se sentir bem descansado. Por exemplo, até mesmo escolher a posição de sono certa pode afetar a qualidade do sono.

Mas mesmo que o sono seja um ótimo redutor de estresse, há um problema. Às vezes, quando você está super estressado, é difícil deitar ou ficar dormindo. O estresse pode contribuir para aquelas noites em que fica virando de um lado para o outro, levando a um círculo vicioso de estresse e insônia.

Se essa dança soa familiar, desculpe. Estes simples hábitos na hora de dormir podem ajudar a combater o estresse e promover o sono profundo, então comece a experimentá-los esta noite:

  1. Use sua cama apenas para dormir e ter relações. Isso significa que não irá comer, assistir TV, checar o Instagram ou realizar chamadas de videoconferência sobre os lençóis. Essas atividades podem tornar mais difícil associar sua cama ao sono.
  2. Ignore café, álcool e nicotina à noite! A cafeína, a nicotina e o álcool podem mantê-lo acordado. Claro, o álcool pode parecer que ajuda você a adormecer inicialmente, mas na verdade ele reduz o sono REM (o estágio do sono que nos dá a sensação de descanso). Além disso, essas drogas podem aumentar a ansiedade, tornando-o mais propenso a se sentir estressado.
  3. Faça exercício – se ele funcionar para você. Um treino noturno pode cansá-lo e ajudá-lo a adormecer, mas algumas pessoas acham que os exercícios no final do dia os despertam, dificultando o sono. Se você estiver no último grupo, agende seu treino pelo menos três horas antes da hora de dormir. Caso contrário, muitos estudos mostram que não há nada inerentemente errado com o exercício antes de dormir (além disso, o exercício também pode reduzir o estresse).
  4. Faça uma rotina para dormir. Seguir o mesmo padrão todas as noites antes de desligar as luzes pode sinalizar para o seu cérebro que é hora de dormir.
  5. Escolha uma hora de dormir consistente. Para evitar o efeito do jet lag, tente dormir e acordar em torno da mesma hora todos os dias – mesmo nos fins de semana, se possível.
  6. Evite luzes brilhantes. Sim, isso significa seu smartphone, tablet, laptop e televisão.
  7. Tome um banho quente. Muitas vezes, um banho quente antes de dormir ajuda a relaxar. No entanto, você pode achar que o banho lhe dá mais energia, em vez de relaxar. Ache o que funciona para você.
  8. Não se torture, virando de um lado para o outro. Se você não conseguir dormir depois de meia hora, experimente uma atividade relaxante como ler, ouvir música suave, meditar ou fazer uma ioga de insônia.
  9. Procure ajuda médica. Se a sua incapacidade de dormir é grave e está causando estresse, consulte um médico, pois você pode ter uma doença do sono. Se o estresse e a ansiedade são o que o mantém acordado à noite, considere encontrar-se com um terapeuta para abordar essas questões em um ambiente saudável e solidário.
Os melhores alimentos para sua pele
Gorduras saturadas e insaturadas e efeitos no organismo

Poste um comentário

Leia o post anterior:
Gorduras saturadas e insaturadas e efeitos no organismo

As gorduras são essenciais para a boa saúde e você precisa consumir uma certa quantidade todos os dias para que...

Fechar