O que é o fotoenvelhecimento e como você pode tratá-lo?

O grão-de-bico pode reduzir o colesterol?
Por que eu não posso recordar meus sonhos quando acordo?

O fotoenvelhecimento refere-se aos danos na pele causados pela exposição solar prolongada, especificamente UVA e UVB, e que podem levar ao câncer de pele. A maioria das alterações da pele que ocorre com a idade é acelerada pela exposição ao sol.

A pele é composta de três camadas: a epiderme, a derme e os tecidos subcutâneos. A derme contém proteínas, incluindo colágeno, elastina e outras fibras importantes que afetam a resistência e a elasticidade da pele e são responsáveis por sua aparência lisa e jovem.

A radiação ultravioleta causa danos nessas proteínas importantes, levando ao fotoenvelhecimento.

Sinais e sintomas

Você provavelmente tem uma boa ideia de como o fotoenvelhecimento parece. Certamente já viu fotos de revista ou em redes sociais de pessoas que conhece e reparou como a pessoa aparentava ter, obviamente, um excesso de exposição ao sol (e talvez fosse fumante também, o que provoca ainda mais danos à pele).

Sinais do fotoenvelhecimento podem incluir:

  • Rugas
  • Pele rígida (sem elasticidade)
  • Manchas escuras (“manchas senis”)
  • Vasos sanguíneos rompidos e estendidos (telangiectasias)
  • Tonalidade da pele amarelada
  • Textura de couro na pele
  • Pigmentação
  • Hematomas fáceis

Causas

A radiação ultravioleta é composta de raios UVA e UVB. Em geral, os raios UVB queimam, enquanto os raios UVA penetram na pele, mas existe uma sobreposição considerável no dano que esses raios causam.

Os raios UVA têm comprimentos de onda mais longos e podem penetrar profundamente na derme. Os raios danificam o colágeno existente, o que provoca maior produção de elastina. Tais quantidades anormais de elastina aceleram a produção de enzimas conhecidas como metaloproteinases, que reparam o colágeno danificado.

No entanto, essas enzimas geralmente acabam causando mais danos para o colágeno do que fazem bem, pois restauram a pele incorretamente. Como a pele é exposta aos raios UVA em uma base diária, esse processo continua repetindo-se, resultando em rugas e pele curtida.

A exposição aos raios UVA também provoca linhas finas e rugas ao redor dos olhos, boca e testa, bem como manchas de idade ou manchas senis.

Uma mancha de idade é uma mancha de pigmentação causada pela exposição ao sol. Elas aparecem não só no rosto, mas no resto do corpo, incluindo as mãos, os braços, o peito e as costas.

Prevenção

Embora muitos elementos do fotoenvelhecimento sejam inevitáveis, sinais visíveis de envelhecimento podem ser evitados. Aplique protetor solar de pelo menos FPS 30 todos os dias (use apenas produtos que protejam contra os raios UVA também) em áreas que são expostas ao sol: rosto, pescoço, peito, mãos, braços, pernas etc. Além de prevenir o fotoenvelhecimento, a aplicação diária de protetor solar também pode reduzir os sinais de fotoenvelhecimento, bem como o risco de desenvolvimento de câncer de pele. Devido à generalizada deficiência de vitamina D nos países desenvolvidos e suas consequências, algumas organizações de dermatologia recomendam uma pequena quantidade de exposição ao sol sem protetor solar. A palavra-chave aqui, porém, é “pequena”. Muitas vezes, 10 a 15 minutos ao sol é tempo suficiente para absorver uma boa dose saudável de vitamina D antes de aplicar o protetor solar.

Talvez a coisa mais importante que você possa fazer para reduzir o fotoenvelhecimento da pele (exceto reduzir a exposição ao sol) é escolher um protetor solar que proteja contra os raios UVA.

O grão-de-bico pode reduzir o colesterol?
Por que eu não posso recordar meus sonhos quando acordo?

Poste um comentário

Leia o post anterior:
Ter medo de pessoas: como tratar este problema?

Se você tem medo excessivo de pessoas a tal ponto que isso interfere em sua rotina diária, você pode estar...

Fechar