Os benefícios do caldo de ossos

Benefícios dos chás detox
Deficiência de vitaminas em crianças

Popular entre adeptos da dieta paleo, o caldo de ossos é o alimento da vez que está revolucionando a mania de saúde no mundo, principalmente nos Estados Unidos. Essa iguaria é rica em gelatina e é feita cozinhando os ossos e até tecido conjuntivo de certos animais. Ao fazer caldo de ossos, muitas pessoas optam por ingredientes repletos de colágeno, como cartilagens e medula óssea (também conhecida como tutano).

A indicação é de que beber caldo de ossos aumenta a saúde de inúmeras formas, como reduzindo a inflamação crônica, estimulando a digestão e acelerando o sistema imunológico.

O caldo é também apontado como uma rica fonte de minerais, aminoácidos e de colágeno, que é uma proteína encontrada em tecidos conjuntivos em todo o seu corpo.

Apesar de muitas receitas indicarem ossos de carne (assim como cartilagem, tendões e ligamentos), você também pode usar cordeiro, carne de porco, frango e vitela para fazer caldo de ossos. Com mais e mais cozinheiros domésticos experimentando tais receitas, o caldo começou a fazer parte do cardápio de cafés e restaurantes em diversos lugares dos Estados Unidos.

Os benefícios do caldo de ossos: pode realmente ajudar?

Ao exaltar as maravilhas do caldo de ossos, entusiastas muitas vezes apontam para o colágeno contido nos ossos. Diz-se que ao beber o caldo regularmente, e assim, por conseguinte, aumentar o consumo de colágeno, isso pode ter um efeito antienvelhecimento sobre a sua pele, restabelecer o brilho ao seu cabelo e melhorar suas unhas. Apesar dessas indicações, no entanto, não há evidências científicas de que o consumo de colágeno por meio do caldo de ossos tem qualquer impacto sobre sua saúde ou aparência.

Da mesma forma, fala-se que o caldo de ossos contém glucosamina e sulfato de condroitina (duas substâncias conhecidas por promover a reparação da cartilagem e melhorar a saúde das articulações). Mas enquanto as pesquisas mostram que tomar glucosamina e/ou sulfato de condroitina em forma de suplemento dietético pode aliviar os sintomas da osteoartrite, não há nenhuma prova científica de que beber caldo de ossos pode beneficiar pacientes com artrite.

Além disso, o caldo de ossos é relatado como auxiliar no tratamento e/ou prevenção dos seguintes problemas de saúde:

  • alergias
  • bronquite
  • colite
  • frio comum
  • prisão de ventre
  • diabetes
  • diarreia
  • fadiga
  • hemorroidas
  • insônia
  • resistência à insulina

Outros benefícios atribuídos ao caldo de ossos é por vezes ser utilizado para promover a perda de peso, aguçar a memória, fortalecer os ossos, levantar os níveis de energia, aumentar a massa muscular e melhorar o humor. Alguns proponentes também sugerem que o caldo de ossos pode combater o câncer.

A ciência por trás do caldo de ossos

Até o momento, há muito pouco apoio científico para os benefícios atribuídos ao caldo de ossos para a saúde. Ainda assim, há alguma evidência de que a sopa de galinha (um tipo de caldo de osso) pode ajudar a tratar infecções do trato respiratório superior (como o resfriado comum e a sinusite).

Há estudos que observaram que vários compostos da sopa de frango, a famosa canja, podem ter atividade anti-inflamatória. De acordo com os autores do estudo, esse efeito anti-inflamatório pode ser útil para aliviar os sintomas de infecções do trato respiratório.

Embora o caldo de ossos mostre ser promissor como um meio natural de redução da inflamação e prevenção de doenças, é necessária mais investigação antes de poder ser recomendado no tratamento ou na prevenção de qualquer condição de saúde.

Precauções

O caldo de ossos é geralmente considerado seguro, mas há alguma preocupação de que poderia aumentar o risco de contaminação por chumbo. Para esse fim, um estudo verificou que três tipos diferentes de caldo de galinha orgânica continham várias vezes a concentração de chumbo na água com a qual o caldo foi feito. Na conclusão do estudo, os autores recomendam que os médicos e nutricionistas considerem o risco de contaminação por chumbo ao aconselhar os pacientes sobre dietas com caldo de ossos.

Dicas para fazer caldo de ossos

Muitos fãs de caldo de ossos recomendam comprar os ossos de um açougueiro ou em supermercados asiáticos, em seguida, usando uma panela elétrica que cozinha lentamente, em baixa temperatura (slow cooker), deve-se cozinhar os ossos na água por até 72 horas.

Incluir cebola e ervas aromáticas (como o alho) pode ajudar a adicionar mais sabor ao seu caldo de ossos.

Para um caldo de ossos ainda mais saboroso, tente assar seus ossos antes do processo de cozimento. Além disso, fazer um branqueamento nos ossos pouco antes de assar pode fazer com que o caldo fique ainda mais saboroso.

Benefícios dos chás detox
Deficiência de vitaminas em crianças

Poste um comentário

Leia o post anterior:
Deficiência de vitaminas em crianças

A deficiência de vitaminas em crianças é mais comum do que se pensa. E os seus sintomas podem ser tão sutis...

Fechar