Por que as pessoas ganham peso no inverno?

Se ganhar músculo também ganho peso?
Benefícios de ir para a cama mais cedo

O inverno é uma época de chocolate quente, biscoitos e de se aconchegar perto de lareiras. Essas guloseimas tentadoras, além de um abrandamento da atividade física que geralmente acontece, significam que você pode estar comendo mais calorias e queimando menos, causando um excesso de calorias – uma receita para o ganho de peso. Mas não são apenas as guloseimas e o tempo frio que incentivam os comportamentos engordativos. A depressão causada pela mudança de estação influencia o apetite e humor de algumas pessoas. Você também está geneticamente programado para comer e armazenar mais calorias no inverno, já que o inverno era, historicamente, um tempo de escassez de alimentos.

A depressão sazonal

O inverno provoca transtorno afetivo sazonal (TAS), ou depressão sazonal, em algumas pessoas. Geralmente é caracterizado por uma depressão que começa no outono, piora no inverno e termina na primavera. Cerca de meio milhão de pessoas sofre de TAS, com sintomas como tristeza profunda, irritabilidade, falta de interesse em atividades que normalmente trazem prazer, incapacidade de concentração, fadiga extrema e maior necessidade de sono. A maioria dos doentes vive em climas do norte. Muitas pessoas com TAS também sentem mais desejo por carboidratos e ganham peso quando satisfazem esses desejos.

Os investigadores acreditam que o TAS ocorre porque os dias curtos tornam a luz solar menos disponível. A falta de luz pode redefinir o relógio biológico das pessoas e afetar negativamente o humor, o sono e os hormônios. A luz também interfere com o lançamento de neurotransmissores do cérebro, que afetam humor e o desejo por certos alimentos.

Procure apoio médico se apresentar sintomas de TAS para garantir que ele não está relacionado com outro problema físico ou psicológico. Terapia de luz e nutrição adequada são maneiras de tratar a TAS.

Menos atividade física

O tempo frio e as ruas geladas significam que você estará menos propenso a dar um passeio depois do jantar, estacionar mais longe ou fazer caminhadas no fim de semana. Essas interrupções menores em movimentos vão se somando e assim você queima menos calorias durante todo o dia. Exercício ao ar livre também é mais limitado no inverno – passeios de bicicleta, banhos ao ar livre e corridas são comprometidos pelas temperaturas mais frias. Se você não controlar seus hábitos alimentares para compensar o ritmo mais lento do seu corpo, pode encontrar-se com um excedente de calorias que leva ao ganho de peso. Quando você está preso dentro de casa, também está em estreita proximidade com a cozinha e os snacks. Tédio pode levá-lo a comer mais.

Mas o inverno não tem de significar hibernação. Use a temporada para explorar novos esportes, como esqui cross-country e snowboard. Entre para uma academia nos meses de inverno para que você possa continuar correndo, fazendo bicicleta e exercitando-se. Mesmo que você não faça em exercício formal, remover a neve, construir um boneco de neve com seus filhos ou fazer uma caminhada são maneiras de queimar calorias no inverno.

Férias e ganho de peso

Muitas vezes as pessoas culpam as férias pelo significativo ganho de peso no inverno. Porém, em média, a maioria das pessoas ganha apenas alguns gramas entre meados de novembro e meados de janeiro. O problema com esse peso é que você normalmente não os perde quando chega a primavera e o verão, por isso, ao longo de vários anos, vai acrescentando peso. Os alimentos pesados, salgados, as guloseimas e bebidas de alto teor calórico podem levar à retenção de água e ao inchaço, que também fazem você se sentir maior.

Para evitar engordar nas férias, limite o número de calorias que você consome. Reserve suas calorias para as mais deliciosas opções que não estão disponíveis em outras épocas do ano. Evite comer relaxadamente para que você não desafie as probabilidades e ganhe mais do que a média. Preencha metade do seu prato com legumes e verduras frescas para manter a contagem baixa de calorias e sua ingestão de nutrição alta.

Inverno e mecanismos de sobrevivência

O inverno é também um tempo para comer demais por causa da pré-programação de seus genes. Seu corpo é projetado para lidar com a escassez de inverno. Os pesquisadores sugerem que as pessoas têm uma tendência natural para comer calorias extras quando o tempo está frio, porque, historicamente, a comida era menos disponível. Quando você come refeições no inverno, você exagera, porque o seu corpo está preparado para temer que esta seja a sua última refeição por um tempo. Nos tempos modernos, porém, a comida nunca está muito longe, de modo que este mecanismo de sobrevivência ultrapassado pode ser responsável por algum ganho de peso nessa época do ano.

Você também pode estar predisposto a desejar alimentos da estação, como vegetais ricos em amido, como batatas e abóbora. Os vegetais ricos em amido tendem a ser mais elevados em calorias quando comparados aos prevalentes no verão, como frutas e verduras.

Se ganhar músculo também ganho peso?
Benefícios de ir para a cama mais cedo

Poste um comentário

Leia o post anterior:
Como evitar que crianças mais velhas “molhem a cama”

Se você for como a maioria dos pais, já teve de lidar com a sua quota de fraldas encharcadas e...

Fechar